Vamos deixar para falar das coisas que Marcelo não fez em 2020, disse o Prefeito de Crateús

Vamos deixar para falar das coisas que Marcelo não fez em 2020, disse o Prefeito de Crateús
Na posse do presidente da Federação das Entidades Comunitárias de Crateús (FECC), na sexta-feira (27), o Prefeito de Crateús, Marcelo Machado falou sobre o momento político pelo qual passa o município.
 
Marcelo comentou sobre as medidas que serão tomadas para reduzir gastos na prefeitura, como reajustes e rescisão de contratos, corte de cargos, demissões, diminuição de salários de secretários e fim de diárias.
 
O prefeito rebate ainda sobre as críticas que considera infundadas: “Vamos deixar para falar as coisas que Marcelo não fez só em 2020, aí venho pra cá e dou a mão à palmatória”. 
 
Na ocasião, o vereador Deusimar Ponte, líder do prefeito na Câmara, lembra que a situação de crise não é exclusividade de Crateús, mas em todo o território nacional. Os repasses dos governos Federal e Estadual sofreram cortes em 2017, e isso atinge todos os municípios.
 
"Só na Educação, os recursos do Fundeb devem ser cortados em R$ 5 milhões", antecipa Marcelo.
 
(Com informações do repórter Nathan Loyola/Foto: Nathan Loyola)